Record aplica metade do reajuste do que deve, sem falar do retroativo salarial

Tipografia

LOGO RECORD TV

A Record concedeu uma antecipação salarial no mês de junho de 6,24% do período de maio de 2021 a abril de 2022, incidente sobre o salário de maio deste ano. Não informa, porém, que a inflação desse período foi de 12,47% e que não será pago essa diferença salarial.

 

Por todos os motivos acima, o Sindicato dos Radialistas já providenciou o protocolo de solicitação de agendamento de reunião para negociar o pagamento dos valores retroativos, bem como a assinatura do Acordo Coletivo de Trabalho, que garantirá, além da manutenção efetiva de todas as cláusulas sociais, o reajuste inflacionário integral e o reajuste sobre todas as cláusulas econômicas desse acordo.

Trabalhador, entenda a dívida da Record com você:

Mês do Reajuste / Percentual -  Mês que Foi aplicado o reajuste em seu salário

Maio/2018 2,5% - Reajuste foi aplicado apenas em fevereiro de 2.019 – Deve 9 meses

Maio/2019 5,07% - Reajuste foi aplicado apenas em junho de 2.019 – Deve 1 mês

Maio/2020 2,46% - Reajuste foi aplicado apenas em outubro de 2.020 – Deve 5 meses

Maio/2021 7,59% - Empresa concedeu apenas 3,8% de reajuste em agosto de 2.021 – Deve 3 meses

Maio/2022 12,47% - Empresa concedeu apenas 6,24% de reajuste em junho de 2.022 – Deve 1 mês

Considerando um Salário Base R$ 3.000,00 – O Salário atualizado estaria em R$ 4.005,78

Somando os meses retroativos que a empresa deixou de pagar, o total é de R$ 3.862,68

Este valor representa 112,3682% do SALÁRIO, ou seja, a empresa deve mais de um salário para cada trabalhador