Sindicato fecha mais um acordo coletivo, agora com a TV Mundial

Notícias
Tipografia

tv mundial

Na tarde desta quarta-feira (21), em assembleia virtual convocada pelo Sindicato dos Radialistas, os trabalhadores da TV Mundial aprovaram a proposta de acordo coletivo com a direção da empresa para os anos de 2021 à 2023.

 

Os trabalhadores radialistas da TV Mundial garantiram não só o reajuste de seus salários e das cláusulas econômicas, além do pagamento do abono salarial mas, também, a manutenção de todos os direitos dos Radialistas contidos em sua Convenção Coletiva de Trabalho - CCT da categoria. 

O fechamento do acordo coletivo garantiu a reposição da inflação de 2020 em 2,46%, do ano de 2021 em 7,59% e o de 2022 a reposição será com o índice do INPC do período. Os abonos de 50% dos salários foram garantidos para os anos de 2020, 2021 e 2022. Já o ticket restaurante passa a ter o valor facial de R$ 22,08.

Todas as demais cláusulas contidas na CCT como hora extra 100%, adicional por tempo de serviço (quinquênio), auxilio funeral, seguro de vida em grupo, estabilidade no emprego pré aposentadoria, período de serviço militar e gestante estão entre as 54 cláusulas garantidas pela assinatura do acordo. Uma vitória para os trabalhadores.

Há quatro anos o Sindicato dos Radialistas tenta negociar a aprovação da Convenção Coletiva de Trabalho da categoria com o sindicato patronal, que se recusam a atender as reivindicações da categoria, condicionando aceitação de negociar, apenas se retirar direitos históricos dos radialistas, que em todas assembleias realizadas tem rejeitado as propostas dos patrões.