Cem cidades são contempladas com Programa de Banda Larga

Tipografia

A estatal Telebrás divulgou na quinta-feira (26) uma lista com as cem primeiras cidades contempladas até o fim deste ano com o Programa Nacional da Banda Larga (PNBL).

A região Nordeste foi a mais favorecida, com 58 das 100 cidades atendidas. Já a região Sul não foi contemplada com nenhuma cidade.

De acordo com o presidente da Telebrás, Rogério Santanna, o governo priorizou municípios com os menores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH). O Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil) contesta a informação. Segundo a entidade, as cidades contempladas tem IDH de 0,7, o que pode ser considerado um desenvolvimento de médio a alto, numa escala que vai de zero a um.

Também de acordo com o Sindicato, 97 dos 100 municípios já oferecem banda larga e terão a infra-estrutura do serviço dobrada. Enquanto isso, muitos municípios ainda não oferecem o serviço à população.

A conexão rápida é usada por cerca de 26 milhões de brasileiros, o equivalente a 43% dos mais de 60 milhões de usuários da internet no Brasil. Até 2010, outros 14 milhões de brasileiros poderão comprar os serviços de banda larga a preços que variam entre R$ 15,00 e R$ 35,00.

As capitais que até o final do ano oferecerão o serviço são Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Recife, Fortaleza, Natal e Salvador, Palmas, Aracaju, Goiânia, Maceió, São Luís, Teresina, Vitória e João Pessoa. O Programa tem como meta oferecer banda larga para 40 milhões de brasileiros até 2014.

De São Paulo, da Radioagência NP, Aline Scarso.