O crescimento econômico estimado em 7% para este ano está permitindo que o Brasil mantenha as menores taxas de desemprego de sua história, e abre espaço para campanhas salariais cada vez mais vantajosas para os trabalhadores.

Leia mais...