ITV de Itu paga parte dos salários atrasados e informa que quitará dívida até a próxima sexta (29)

Notícias
Tipografia

Pagamento dos atrasados começa a sair após pressão sindical e a veiculação nas mídias sociais de Itu da informação de que a ITV não pagou corretamente os salários aos trabalhadores

 

A empresa de comunicação ITV, canal fechado da NET no município de Itu, interior de São Paulo, começou a pagar os salários atrasados aos trabalhadores após o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) e o Sindicato dos Radialistas no estado de São Paulo oficializarem que iriam acionar o Ministério Público do Trabalho (MPT) contra as irregularidades trabalhistas praticadas pela empresa.


Na última sexta-feira, 22, a empresa pagou a fração faltante do salário e dos direitos referentes ao mês de março. Em ofício encaminhado aos sindicatos, a empresa informou que deverá pagar integralmente os salários dos trabalhadores do mês de abril até a próxima sexta-feira (29).


A notícia sobre o atraso nos salários, veiculada pelos sindicatos, repercutiu nas redes sociais de Itu e causou uma onda de solidariedade aos profissionais de imprensa, que receberam diversas mensagens de apoio à luta que estavam fazendo e de repúdio à atitude da empresa.


Há quase um mês o Sindicato dos Jornalistas e o Sindicato dos Radialistas estavam pressionando a empresa com o objetivo de resolver todos os problemas. Diante da pressão, a ITV ITU decidiu aderir à Medida Provisória (MP) 936, neste mês de maio, na modalidade suspensão do contrato de trabalho para a maioria do quadro de funcionários.


O Sindicato dos Radialistas e o Sindicato dos Jornalistas estão acompanhando de perto todo o processo, orientando e atuando junto aos trabalhadores para que a ITV honre com todos os deveres trabalhistas.