Suposto capanga de Serra bate em cinegrafista da Band

Notícias
Tipografia
Tumulto e pancadaria envolvendo jornalistas, militantes tucanos e a equipe de segurança do candidato José Serra, marcou a visita de Serra a São Bernardo do Campo na tarde desta terça-feira.
Asssessor de José Serra (PSDB) é fotografado dando uma gravata no cinegrafista Wellington Gouveia durante campanha do tucano em São Bernardo do Campo, nesta terça-feira.

Ao entrar numa padaria no centro da cidade junto com jornalistas e militantes, estufas de salgados foram quebradas e começou a briga entre um cinegrafista e um assessor do candidato.
Vinicius Paulino, 44 anos, ajudante de ordens da campanha de Serra, agrediu Wellington Gouvêa, da Rede Bandeirantes. Segundo Paulino, ele só foi pedir pedir para “para não quebrar mais nada”
O cinegrafista Wellington Gouvêa conta; “Eu estava de costas no balcão e o assessor do Serra me deu um soco nas costas… eu virei para trás e ele me imobilizou”, relatou.





Assessor de Serra e cinegrafista da Band se desentendem durante visita ao ABC

Redação Portal IMPRENSA

Durante visita do presidenciável tucano José Serra a cidade de São Bernardo do Campo, no ABC paulista, nesta terça-feira (10), seguranças e assessores do candidato teriam se desentendido com um cinegrafista da Band.

A confusão teria ocorrido dentro de uma padaria. Duas estufas de salgados foram quebradas em razão do acúmulo de jornalistas e curiosos que acompanhavam a visita de Serra.

Após a confusão dentro do estabelecimento, dois cinegrafistas subiram no balcão para fazer imagens do tucano. O ajudante de ordens da campanha de Serra, Vinícius Paulino, 44 anos, teria pedido aos cinegrafistas que descessem. O cinegrafista Wellington Gouvêa, da Band, permaneceu sobre o balcão e foi novamente repreendido pelo ajudante. Então, o câmera chutou o assessor, que revidou o imobilizando, segundo informa o portal Terra.

Gouvêa conta que foi agredido primeiro por Paulino e que não reagiu. ."Eu estava de costas no balcão e o assessor do Serra me deu um soco nas costas (...) eu virei para trás e ele me imobilizou", relatou.

A coordenação de campanha do candidato em São Paulo declarou ao Portal IMPRENSA que não tinha conhecimento sobre o incidente. A assessoria de imprensa da Band afirmou que está apurando o caso.


Nota do Sindicato;

A diretoria do Sindicato dos Radialistas repudia a ação de pessoas ligadas a campanha do presidenciável José Serra contra o Operador de Câmera Wellington Gouvêa. Afirmamos que nada justifica a violência usada contra o trabalhador da categoria.


Leia mais no blog dos Radialistas;

http://www.radialistasp.org.br/site/blog.asp?id_postagem=49290489