Sindicato dos Radialistas estende acesso, aos desempregados da categoria, ao Fundo dos Desempregados

Notícias
Tipografia

06 fundosolidar

A diretoria do Sindicato dos Radialistas no estado de São Paulo decidiu estender acesso dos desempregados, ao Fundo dos Desempregados nesse período de Pandemia. 

Para ter acesso ao fundo, o trabalhador, necessariamente, deve pertencer a categoria dos Radialistas e comprovar que está desempregado, além de preencher um cadastro, caso ainda não esteja cadastrado, como formalização de solicitação ao Fundo dos Desempregados.

Pandemia

Durante a Pandemia, na capital, será distribuído mensalmente uma cesta básica por trabalhador, no interior, o valor de R$ 230,00, nas mesmas condições.

Mais informações abaixo.

O Fundo dos Desempregados

História/como funciona

O Fundo dos desempregados foi criado no ano de 2004 pela categoria, devido com a grande demanda de trabalhadores que procuraram a entidade para solicitar ajuda, para garantir o mínimo necessário para sobrevivência dos radialistas necessitados e seus familiares. E foi, através de negociações com o Sindicato Patronal, que o Fundo foi incorporado a Convenção Coletiva da Categoria (CCT). Ele é administrado pelo Sindicato dos Radialistas, tão somente para assistência social aos radialistas necessitados, que estejam dentro de critérios discutido e estabelecido pela categoria, em assembleias, para aquisição de cestas-básicas, vale-transporte, para procura de emprego e cursos de qualificação e requalificação, além de outras deliberações discutidas em assembleia com os trabalhadores.

O Fundo dos Desempregados não faz parte do caixa financeiro da entidade. É um recurso à parte, com finalidade estabelecida pela categoria.

O Fundo constitui na contribuição de R$ 4,00 mensais, por todos os trabalhadores da categoria. Apesar de constar em convenção coletiva, ele não é obrigatório, pois os trabalhadores que não quiserem contribuir podem solicitar, por escrito, o não desconto em folha de pagamento dessa contribuição.

Critérios para utilização do Fundo

Para ter acesso ao fundo, o trabalhador, necessariamente, deve pertencer a categoria dos Radialistas e comprovar que está desempregado, além de preencher um cadastro, caso ainda não esteja cadastrado, como formalização de solicitação ao Fundo dos Desempregados.

Pandemia

Durante a Pandemia, na capital, será distribuído mensalmente uma cesta básica por trabalhador, no interior, o valor de R$ 230,00, nas mesmas condições.

Horário de atendimento

O atendimento para distribuição das cestas básicas é das 8h30 às 17h30.

Contatos para tirar dúvidas:

Sindicato dos Radialistas – 11 3145 9999, que é Whatsapp.

Celulares, que também são Whatsapps:

Francisco: 11 96317-1876;

Beto Balboni: 11 94724-2662

Zé Marcos: 11 96862-3355;

E pelo e-mail: diretoria@radialistasp.org.br.